Destaques, Notícias

24/03/2019

Maranhão começa 2019 com quase três mil novas empresas

Os primeiros números do ano, revelados no relatório estatístico da Junta Comercial do Maranhão (Jucema), indicam que o Maranhão continua em um ritmo forte de abertura de empresas. Com a marca de 2.971 formalizações, janeiro apresentou o melhor desempenho do período se comparado com todos os anos anteriores.

Em comparação com janeiro do ano passado, quando surgiram 2.589 novas constituições, o resultado obtido se apresenta 16% superior. As atividades que mais se destacaram em janeiro foi o comércio varejista, atacado, serviços de escritório e transporte terrestre, respondendo por 465 das aberturas.

Já se considerado os resultados para o Maranhão como um todo, o relatório da Jucema, também, indica que, no balanço de 2018, mais de 29 mil empresas foram formalizadas e mais de 9 mil empregos gerados, neste último com informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

O presidente da Jucema, Sérgio Sombra, destaca que há muitos pontos que estão estimulando o espirito empreendedor maranhense como as iniciativas de simplificação à formalização de negócios.

“O Governo do Estado contribui, efetivamente, para esse saldo positivo através de ações e projetos que proporcionam um melhor ambiente de negócios. O papel da Jucema nesse processo é implementar ferramentas e estratégias para que esse ciclo de otimismo seja uma constante na nossa economia”, reforçou.

Sérgio Sombra acrescentou que a perspectiva da Junta Comercial é que, ao longo de 2019, o ritmo de abertura de empresas continue sendo de superação. A partir de novas medidas de modernização a serem implementadas este ano, a abertura de empresas, e todos os procedimentos relacionados ao registro empresarial, ficarão mais desburocratizado, seguro e ainda mais acessível para quem deseja empreender no estado.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 3 outros assinantes

%d blogueiros gostam disto: